Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




A Câmara de Esposende implementou um projecto de recolha selectiva de resíduos no recinto da feira quinzenal da cidade, para diminuir a quantidade de resíduos que o concelho enviada para o aterro sanitário e aumentar as taxas de reciclagem.

Denominada "Eco-Feira", esta campanha arrancou a 08 de Setembro, com a distribuição a cada vendedor de um saco azul para deposição de papel e um saco amarelo para plásticos e metal.

No final da feira, cada vendedor efectua a deposição dos resíduos nos ecopontos mais próximos.

VCP.

Com a devida vénia á Visão

Autoria e outros dados (tags, etc)

Com a devida vénia ao JORNAL DE NOTICIAS

Autoria e outros dados (tags, etc)


Feira do Silvado -Odivelas

por fnaf, em 16.09.08

Feirante de Produtos de Charcutaria exibindo a sua licença de utilização

referente ás novas normas exigidas para este sector de actividade.

Parabéns pelo exemplo que certamente outros lhe seguirão tendo em vista poderem

exercer a actividade cumprindo todas as normas exigidas pelas entidades gestoras e fiscalizadoras

Autoria e outros dados (tags, etc)

Vêr noticia do JN

Autoria e outros dados (tags, etc)

O presidente da câmara de Viseu, Fernando Ruas ameaça acabar com a feira semanal da cidade. Segundo o autarca esta é uma medida a avançar caso o lixo continue a ficar espalhado pelo recinto, a cada final de feira.

"Não vamos permitir que atirem os sacos para o chão", disse Fernando Ruas, na conferência de imprensa que se seguiu à reunião do executivo. "Vamos tomar medidas. Se for preciso fechar a feira, a gente fecha", sublinhou o autarca.

Fernando Ruas considera que quem passar à terça-feira, por volta da hora de almoço, frente ao recinto onde se realiza a feira semanal, fica com a sensação que "Viseu é a cidade mais porca do país".

Disposto a colaborar com os feirantes, o líder viseense admite que se o problema for falta de contentores, fará com que mais utensílios sejam colocados no recinto. O que o autarca não vai admitir é um cenário de "passa culpas", em que feirantes acusam clientes ou o "vizinho do lado". Fernando Ruas quer "a feira conforme" a dá.

Já esta terça-feira, os feirantes foram alertados para o problema, pelo presidente da associação de feirantes, Alípio Madeira. Para o representante, cada feirante deve ser responsabilizado pelo lixo que faz. "A feira tem condições. Não custa nada colocar o lixo todo num saco e no final levar ao contentor. No caso de caixas grandes basta deixarem tudo bem ’aconchegado’, para que nada se espalhe. Depois os carros da câmara passam e carregam, sem problema", explica Alípio Madeira. O presidente da associação de feirantes só espera que a autarquia não se esqueça de entregar sacos a cada feirante, "coisa que falhou um bocado" esta terça-feira.

Com a devida vénia ao JORNAL DO CENTRO

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2007
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D